Clitóris, muito prazer!

Se você perguntar para alguns homens sobre se eles sabem o que é um clitóris, a imensa maioria vai dizer que conhece tão bem, que muitos são capazes até de tentar corrigi-la:

"Não é clitóris, é clítoris!"

Seria bom se a falta de conhecimento ficasse apenas à questões gramaticais, mas, para desgosto das mulheres, a maioria sequer sabe onde fica o dito cujo. E muitos daqueles que conhecem, não sabem o que fazer com ele!

Em primeiro lugar é bom deixarmos bem claro que o clitóris é um micro pênis, e se os caras se preocupassem um pouco mais em conhecer o corpo de suas mulheres, quem sabe dando uma olhadinha na periquita, veriam que ele tem glande, igual um bingulinzinho.

Ou seja: se os nossos bimbos nos deixam nas nuvens quando são bem tratados por uma mulher, o mesmo pode acontecer com elas!

Mas como é possível esperar que um pessoal que mal sabe fazer um sexo oral nas parceiras, entenda este tipo de coisa? Estou cansado de receber emails de mulheres, sempre reclamando que o benzão é tão ignorante em matéria de sexo que não consegue deixa-las excitadas nem com sexo oral! E aqui entre nós: vai ser incompetente assim lá no inferno! Pombas, nem chupar direito o cara sabe!?

Um cara que não sabe fazer seu anjinho subir pelas paredes com uma chupadinha, merece levar todos os chifres do mundo!

Por isso, resolvi escrever esta matéria educativa, sobre como levar seu anjinho aos Céus fazendo sexo oral! E, para evitar qualquer tipo de confusão, vou usar termos bem coloquiais como "cabecinha", "pelinha" etc!

Muito bem, se você ainda não sabe onde fica o clitóris, pergunte a sua garota, que ela vai dizer com a maior boa vontade! Mas, nada de já ir abocanhado feito um esfomeado! Antes você tem que gastar um bom tempo com as maravilhosas preliminares, esquentar o corpinho dela, até que ela esteja bem alegrinha, com o corpo pulsando de eletricidade. Desta maneira você vai fazer com que a garota tenha uma ereção, facilitando muito mais o seu trabalho de fazer um boquete nela! Ah, sim meu chapa, elas também ficam de pau duro!

Então, depois de encher sua garota de bitoquinhas, desça a cabeça bem devagar até suas coxas, sem se esquecer de dar uma paradinha para beijar sua barriguinha, claro! Depois, segure suas coxas com as duas mãos e vá abrindo bem devagar o caminho para a perdição: a periquitinha de seu anjinho!

Como elas adoram um certo clima de mistério, gaste um bom tempo passando a ponta da língua em sua virilha, subindo e descendo, deixando que ela sinta sua respiração quente invadindo seus pêlos, aquecendo sua vagina. Deixe que ela fique bem ansiosa com este joguinho, com esta "indecisão". Sim, meu caro, mesmo que ela tenha certeza de que você vai fazer sexo oral, saber adiar o momento deixa qualquer uma maluca.

Quando ela já estiver implorando para você parar de enrolar e ir direto ao assunto, passe seus dedos bem de leve nos grandes lábios vaginais (também conhecidos como boquinha da perereca), e vá subindo até chegar ao clitóris!

Você até pode acariciar o clitóris sob a pele que o reveste, porque isso é o bicho de bom. Quer outra dica bem provocante? Então faça por cima da calcinha. Sim, antes de ir direto ao assunto, gaste um bom tempo fazendo sexo oral por cima da calcinha de sua garota. Mas se quiser acelerar o processo, já que ela deve estar soltando vapor pelas orelhas com o trato que acabou de dar, use seus dedos indicador e médio para puxar a "pele", deixando-o exposto, pronto para ser acariciado. Só que antes é importante deixa-los bem úmidos. E como é que você vai fazer? Oras, usando a língua, ou a própria lubrificação vaginal. Sim, porque se for direto ao ponto, com os dedos secos, parecendo lixas, a garota pode ter um treco.

O clitóris é extremamente sensível. Por isso é fundamental tomar muito cuidado com as unhas e evitar ao máximo resvalar seus dentes nele. Muitas mulheres reclamam que seus parceiros, mesmo com as melhores das intenções, sempre acabam esfriando o clima quando passam os dentes ou os machucam com as unhas. Pior que isso é quando eles resolvem morder!

E não fique muito tempo acariciando com os dedos, repetindo os mesmos movimentos, porque isso pode causar irritação. Sim, repito: eles são sensíveis!!!

Enquanto usa os dedos para fazer aquele carinho gostoso, aproveite para dar aquele beijo gostoso na boca de sua garota. Cara, você vai se surpreender ao saber como elas beijam muito mais gostoso ao terem o clitóris acariciado!

Depois de ficar maluco com o beijinho dela, desça novamente e faça sexo oral apenas na vagina, tocando leventemente com os dedos, sempre puxando e esfregando a cabecinha, repito, bem de leve. Ao sentir que ela já está quase tendo uma taquicardia, afaste bem a pelinha e sugue o clitóris! Foi isto mesmo que eu quis dizer: sugar! Tem que saber sugar com jeito, usando os lábios! E tem que saber usar a língua para acaricia-lo quando estiver entre seus lábios!

Mas aqui vai um conselho: ao suga-lo, não me responsabilizo pelo resultado que irá causar em sua garota. O barato é tão forte que elas ficam pela hora da morte! Sim, elas tentam empurrar nossas cabeças para longe de seu botãozinho mágico e suplicam para parar!

Mas quem disse que temos que ser bonzinhos o tempo todo? Que nada, é só tomar cuidado com as joelhadas e tortura-la durante um tempo e depois parar. Então, use a parte interna de seus lábios para acaricia-los. Sim, você vai "lamber" com a parte interna dos lábios.Depois, entre uma "lambidinha" e outra, aproveite e sugue de vez em quando, não se esquecendo de passar a ponta da língua, rodeando todo o clitóris. Depois, inverta a direção dos movimentos, da direita para esquerda e da esquerda para a direita.

Um segredo para deixa-la ainda mais elétrica é aproveitar e passar uma das mãos em sua barriguinha, bem perto do umbigo, roçar as unhas e fazer movimentos circulares. Toda mulher quando está recebendo aquele sexo oral fica com a região da barriga muito sensível. E já que o assunto é o que fazer com as mãos, aproveite e acaricie a parte interna de suas coxas. Depois, pegue sua garota pelos quadris, segure bem firme e a suspenda, para que possa rebolar com mais facilidade. Uma dica legal é faze-la rebolar no seu ritmo, conduzindo seus quadris com as mãos.

Se fizer tudo direito vai descobrir que existe uma imensa diferença entre um orgasmo vaginal e um clitoriano. Quando uma mulher chega ao orgasmo clitoriano, seu corpo treme, se contrai e a gente pode sentir ondas de energia subindo dos pés à cabeça, como se ela estivesse eletrificada! Sem contar a fechada de pernas, que é um perigo! Sim, quando elas fecham as pernas na hora do orgasmo parece que chegou a hora de dar adeus a vida, porque parece que vão esmagar nossas cabeças.

Agora, se quiser ver uma cena maravilhosa, mesmo que ela esteja subindo pelas paredes e comece a implorar para você parar de "tortura-la" e subir logo para dar uma bimbadinha, resista! Sim, troque o clitóris pela vagina, porque isso fará com que ela tenha orgasmos vaginais logo em seguida.

Só é bom saber que uma mulher nesta situação jamais poderá ser responsabilizada por seus atos!

Homem
Manual da Usuária.
O primeiro livro que conta tudo sobre os homens.


Escracho!! - As piores transas estão aqui!! Veja as nossas piadas. Tire as dúvidas com Dr Andros Fale Conosco
Clique Aqui!
----------------------- voltar para página inicial