Cuida mais de Você

Vou aprender a cuidar mais de mim...
Vou me dar mais valor

Cuide do que você tem de mais valioso (sua vida) pois ninguém irá fazer por você o que é sua responsabilidade.
Ninguém irá realizar seus sonhos, ninguém cuidará de seus planos, ninguém suprirá suas faltas...

E faça de tudo para que nada do mundo mude sua convicção de que a melhor coisa que fez foi aprender a cuidar de si.

Sempre que uma pessoa descobre que precisa aprender a cuidar mais de si é porque aprendeu da pior maneira: que nem sempre aquilo que fazemos pelos outros nos é retribuido na mesma medida. Muitas vezes só recebemos porradas e ingratidões em troca.

Pode parecer injusto, mas a vida é assim:

Recebemos de acordo com o que valemos.

Por mais que tenha ficado deprimida e se sinta a maior injustiçada do mundo, entenda que o que recebe como "pagamento" por seu esforço, nada mais é que o valor que as pessoas te dão.

Ou seja: se não recebeu nada além de porradas, então é este é seu o valor no mercado: ZERO.

Antes de se sentir ofendida por receber um valor tão irrisório, entenda que por mais que se ache a melhor, a rainha da cocada preta, ainda assim, sem atitudes no lugar de discursos, nada disto vai aumentar um único centavo o seu valor.

Você é o que mostra, é o que as pessoas vêem, não o que gostaria que vissem. Por mais que no fundo se ache uma super mulher, se não mostrar suas qualidades, dificilmente alguém vai querer ir até o fundo de sua alma para conhece-la.

Tente imaginar um jardim abandonado, com um monte de ervas daninhas, muita sujeira espalhada pelos cantos e todo tipo de pragas, como formigas e cupins. Quantas pessoas você acha que teriam coragem de usar um local como este para descansar? E quantas se lembrariam que por baixo de todo esta sujeira existe um jardim? Na realidade, tirando os bêbados, mendigos e viciados, poucas teriam coragem de passar por perto.

E nem adianta dizer que por baixo de toda bagunça e sujeira ainda existe um jardim, porque, repito, as pessoas enxergam é o que está à mostra!

Talvez sua vida esteja desta maneira. Sei lá, durante muito tempo você se preocupou em agradar e cuidar dos outros, enquanto o mato tomava conta de cada cantinho de sua vida. E na sua devoção pelos outros , acabou deixando de lado sua vida, se colocou em ultimo plano, pois acreditou que suas necessidades não eram tão importantes. Então, diante de uma paisagem tão feia e descuidada, as pessoas foram jogando em suas costas todas as suas neuras, raivas, desprezos, frustrações...

Que coisa...Você se depreciou de tal forma que ninguém mais consegue vê-la como uma mulher, mas como um deposito de lixo. Por mais belos que um dia tenham sido seus canteiros, por mais bela que um dia você tenha sido, toda esta beleza foi soterrada pelas maldades que VOCÊ aceitou receber.

E como os semelhantes se atraem, nada mais natural que sua vida esteja repleta de pessoas que se identificam com seu estado de abandono. Sim, da mesma maneira que os mendigos, bêbados e viciados procuram antros, você acabou atraindo o que há de pior nas pessoas, por isso quando olha para os lados só enxerga gente nefasta e aproveitadora.

Mas de nada adianta tentar fazer com que estes trastes desapareçam de sua vida, se você não mudar o que os atrai.

É preciso que jogue fora todo os rancores que deixou acumular em sua vida, como as palavras que te feriram, as traições, desilusões e, principalmente, a incapacidade de esquecer. Não adianta dizer que perdoa se ao fechar os olhos você se lembra. Não tente perdoar, não tente fazer o que não é capaz, apenas esqueça, pois quem esquece não valoriza.

Simplesmente se recuse a pensar no mal e ele não terá força em sua vida.

Ao jogar fora todo este lixo, este monte de rancores, todas aquelas pessoas que foram atraídas por sua vaidade e orgulho ferido sumirão de sua vida. E sabe por quê? Oras, porque ao mudar o astral elas não se identificarão mais com suas energias.

Ao abrir mão da vingança, da raiva e do desejo de jamais levar desaforos para casa, afastará os violentos - sempre prontos à alimentar sua ira. Ao deixar de falar mal de quem te sacaneou, afastará os futriqueiros - sempre dispostos a aumentar com boatos e mentiras seu ciclo de inimizades.

Volte seus olhos para você, cuide com todo carinho de sua aparência, pois se não mudar o lado físico o lado mental permanecerá estagnado. Cuide de seu corpo, do seu cabelo, da sua pele, e faça tudo isso com muito tesão, porque se você não se amar sexualmente, ninguém o fará. Sinta tesão ao se tocar, sinta o quanto é gostosa, alimente seu bem-querer até voltar a acreditar que é, sim, uma mulher desejável.

Cuidar de si é ter olhos para o que te faz bem, jamais carregar os problemas dos outros nas costas, seja eles quem forem. Cuidar de si é jamais dar o que te faz falta, pois não existe sabedoria na privação. Você deve dar apenas o que sobra, o que não vai fazer falta, pois tudo na natureza funciona deste jeito. Uma arvore pode dar todos os seus frutos, mas jamais pode abrir mão de sua folhas, pois sem elas não viveria.

Não abra mão dos seus planos por ninguém deste mundo, pois sem eles você não terá um horizonte para seguir. Vá em frente, lute e vença, conquiste o que deseja. Você é sua maior responsabilidade, então empenhe-se com todas suas forças. E não se preocupe com aqueles que saírem de sua vida, ofendidos por não serem mais o centro de sua atenção. Quem te ama realmente vai se satisfazer com sua felicidade, pois sabem que quanto mais realizada você for, mais terá para dar.

Lembra sobre o que citei a respeito de dar apenas o que sobra? Pois acredite que quanto mais conquistar, mais seu sucesso irá transbordar.

Quanto mais você faz em seu benefício, mais tem para oferecer.
Quanto menos faz em seu benefício, mais querem tirar de você.

..........................................................................................................

Leia meu livro QUERO SEU SORRISO DE VOLTA e vire uma mulher ruim e feliz!!

www.revistaandros.com.br - © Copyright 2008 - Revista Andros

Homem
Manual da Usuária.
O primeiro livro que conta tudo sobre os homens.

Só em ebook

Fale Conosco
voltar para página inicial